Meditação O Caminho Para a Sua Felicidade – Shiwa Lha – Centro de Estudos do Budismo Tibetano

Meditação O Caminho Para a Sua Felicidade

Quinta-Feira – 08h a 09h

Condução Ven. Namdro

Como é a nossa prática de meditação?

Toda quinta-feira dividimos a nossa prática em duas partes, fazemos dois tipos de meditação: de Estabilidade da mente e Contemplativa (analítica).

A meditação contemplativa é para refletirmos, transformarmos e estabilizarmos sobre pontos como reconhecer nossas qualidades, as infinitas situações e oportunidades positivas que possuímos, a morte, as mudanças, as adversidades, insatisfações, sofrimentos e como se colocar nessas condições, a possibilidade e passos para alcançarmos a felicidade pela clareza, entendimento e compreensão da realidade e pelas emoções positivas como amor, compaixão.

Cada dia exploramos um destes temas seguindo passo a passo, um caminho gradual ao nosso maior potencial, com base na abordagem budista conhecida como Lam-rim.

Para iniciantes e praticantes, budistas, não budistas, com crenças ou sem crenças.

8h a 8h40 – Estabilidade da mente
– Postura do corpo
– Motivação/propósito para nossa meditação e para nosso dia
– 10 minutos – mantemos o foco, permanecer a nossa atenção em um ponto/objeto. Podemos escolher a nossa respiração, um objeto ou uma imagem de Buda. Apresentamos diferentes abordagens para mantermos a atenção no foco escolhido.

Fazemos um curto intervalo de dois minutos para mexermos, esticarmos o corpo e relaxarmos um pouco o foco.

8h40 a 9h – Contemplativa para refletirmos em um dos tópicos citados acima (
– Reestabelecemos a postura do corpo
– Reestabelecemos a nossa Motivação/propósito
– 10 minutos – A pessoa que conduz a meditação faz citações e indagações para refletirmos nelas em relação a nossa vida e como podemos fortalecer, abandonar e transformar nossas conclusões.

Voce pode sair da meditação a qualquer momento.


Por que praticar a estabilidade da mente?

Leia abaixo algumas cotações dos benefícios de mantermos uma mente estável.

“Podemos começar a cultivar a mente da iluminação agora, na nossa vida cotidiana, sendo expansivos e bondosos com as pessoas que encontramos: sendo pacientes com elas e percebendo suas necessidades. É fácil, contudo, nos enganarmos, desempenhar o papel de uma pessoa amigavelmente expansiva enquanto escondemos nossos sentimentos de irritação e intolerância. Desse modo, é importante nos comunicarmos com nossos sentimentos enquanto também nos esforçamos para nos estendermos aos outros, e isso é feito mais eficientemente na concentração da meditação”. S.S. DALAI LAMA

“…tudo o que fazemos e pensamos agora determina nossas experiências futuras. A decisão é nossa: podemos ser o que desejamos, desde que canalizemos nossas energias nessa direção. Para que isso seja feito, precisamos compreender a mente e aprender a usá-la habilmente.” Kathleen McDonald


Por que refletir e contemplar?

Meditar também é familiarizar-se com qualidades positivas, abandonar o que nos tormenta e gera sofrimento para nós e para os outros.

Leia abaixo algumas cotações dos benefícios da meditação contemplativa (analítica)

“Se você exagera o valor dos objetos externos, pensando que essas são as coisas mais importantes da vida, você ignora sua beleza e sua jubilosa energia internas. Quando olha apenas para fora de si mesmo, você estará negligenciando suas qualidades humanas mais preciosas – seu intelecto e seu potencial para se comunicar de maneira superior. A meditação mostra-lhe claramente quais são os objetos de apego que o deixam confuso, e que tipos de mentes você usa para se relacionar com eles. Além disso, a meditação é um método muito ágil para se descobrir a natureza da realidade. É exatamente como um computador”. Lama Yeshe

“Não é preciso modificar nada em seu exterior; a única mudança que você precisa fazer é dentro de si próprio. A meditação é uma forma de ajudar você a se tornar forte o bastante para enfrentar os problemas em vez de se esquivar deles. A meditação permite que você enfrente os problemas com habilidade”. Lama Yeshe

“Cuide constantemente de todos os aspectos de sua vida: das ações de acordar, trabalhar, comer, dormir com sabedoria. Cuide do seu carma da melhor maneira possível. Assim, toda a sua vida poderá ser usada para aproximá-lo da sabedoria do não-ego.
Guardar o seu carma dia após dia também é meditação e pode ser uma maneira poderosa de desenvolver insights”.
Lama Yeshe

Como seres humanos temos as faculdades apropriadas para o desenvolvimento espiritual, dentre as quais a mais preciosa é o cérebro humano. É muito importante não desperdiçarmos a grande oportunidade que nos é oferecida por nossa condição de seres humanos, pois o tempo é um fenômeno momentâneo e inesperado. É da natureza das coisas que elas sigam um processo de mudança e desintegração. Por isso, é de extrema importância darmos significado a nossas vidas”. S.S. Dalai Lama