Eu – Shiwa Lha – Centro de Estudos do Budismo Tibetano

Eu

“O primeiro ponto é identificar o objeto da negação. Todos nós possuímos uma noção de eu como existente de forma inata e como algo evidente. Principalmente diante de emoções fortes – quando alguém o acusa, por exemplo -, sente o “eu” se manifestar veemente. Em tais circunstâncias, você sentirá falta de personalidade. Neste ponto, deve, imediatamente, tentar ver como este eu lhe aparece e como você se relaciona com ele.”

S.S. Dalai Lama