Glossário – Página: 78 – Shiwa Lha – Centro de Estudos do Budismo Tibetano

Glossário

Visão que se agarra a um extremo

Tibetano / Sânscrito:
mthar ‘dzin par lta ba, antagrahadrsti

.

Visão, em alguns casos: crença, opinião, ponto de vista

Tibetano / Sânscrito:
lta ba, drshti

.

Viver em um local favorável

Tibetano / Sânscrito:
mthun pa’i yul na gnas pa

.

Vizinho

Tibetano / Sânscrito:
nye ‘khor ba, utsada

.

Votos

Tibetano / Sânscrito:
sdom-pa

Compromisso de guardar quaisquer dos vários tipos de preceitos estabelecidos por Buda. Os preceitos recebidos na base de refúgio em todos os níveis da prática budista. Os preceitos Pratimoksha (votos de liberação individual) são os principais votos da tradição Hinayana e são tomados por monges, monjas e leigos; eles são a base de todos os outros votos. Os votos de bodhisattva e tântricos são os principais votos na tradição e Mahayana. Ver também Vinaya e Três Tipos de Votos.

Votos de bodhisattva

Tibetano / Sânscrito:
byang-sdom, ou byang-sems-kyi sdompa

Dezoito votos principais e sessenta e quatro votos secundários que se tomam com a bodhicitta atuante.

Votos de liberação individual

Tibetano / Sânscrito:
so-sor thar-pa’i sdom-pa ou so-sor thar-pa; pratimoksa

Preceitos estabelecidos por Buda Shakyamuni para leigos, monges e monjas budistas.

Yab-yum

Tibetano / Sânscrito:
yab-yum

No budismo tibetano ou budismo vajrayana, simboliza a união sexual homem x mulher – normalmente a união de uma deidade ou de um bodhisattva com a sua consorte – que representa a completude do universo. A figura masculina representa ação, em geral a compaixão, neste mundo finito; a figura feminina representa a sabedoria, a união do infinito. A figura masculina é vista como passiva e a feminina como ativa.

Yama

Tibetano / Sânscrito:
Yama

Nome do Senhor da Morte (sem controle).

Yamantaka

Tibetano / Sânscrito:
Dorge Jig-je

Deidade de meditação masculina do tantra paterno da categoria do ioga tantra superior.

Yana

Tibetano / Sânscrito:
.

Literalmente, veículo, um caminho espiritual que nos leva de onde estamos até onde queremos chegar. Veja também Hinayana, Mahayana, entre outros.

Yidam

Tibetano / Sânscrito:
yi dam, istadeva

Literalmente, preso à mente. A sua própria deidade pessoal, principal (ou, como Lama Yeshe costumava dizer: ‘favorita’) para a prática tântrica. A deidade com a qual o praticante tem a conexão mais forte.

Yojana

Tibetano / Sânscrito:
Yojana

Medida de distância: 4000 braças (1 milha terrestre) 1 légua, aproximadamente 8 km.
Medida indiana de distância igual a 16 mil côvados, ou cerca de 7,4 km.

Yum

Tibetano / Sânscrito:
.

Consorte, mãe, energia feminina, princípio feminino shakti, consorte-mãe, cônjuge, esposa, deidade, ioguine, consorte feminina de uma deidade tântrica masculina (o pai, yab), como em Yum Dorje Nyem-ma Karmo, a consorte de Heruka Vajrasattva.

Buscar Termo:

A lista de resultados de sua busca traz a palavra-chave e todas as descrições em que esta aparece.


Listar por Letra